A empresa intervirá em dois dos níveis do edifício principal: no primeiro nível, irá executar a zona de exposição (2.400m2), dedicado ao país anfitrião Cazaquistão, e no segundo irá desenvolver a área de exposição dedicada à energia hidráulica.

Acciona produções e design)APD), uma subsidiária do grupo Acciona, foi escolhida por SML Sembol Construção operação técnica e implementação da área de exposição do Pavilhão Nacional do Cazaquistão Exposição Internacional de Astana 2017, que estará aberto ao público de 10 de junho a 10 de setembro.

"Energia do Futuro" é o lema desta exposição e seu objetivo é debater e aumentar a conscientização sobre o papel da energia como um ativo inerente à humanidade, que deve ser usado de forma responsável e eficiente. A área total do complexo de exposições ocupa 174 hectares, distribuídos ao redor do edifício principal, onde o Pavilhão Nacional do Cazaquistão está localizado, projetado a forma de uma esfera de vidro de sete níveis em uma base orgânica. Cada um desses níveis é dedicado a uma tecnologia diferente para geração de energia.

Como já está à frente Revista Digital AV, APD vai executar a zona de exposição 2.400m2- dedicado ao Cazaquistão como país anfitrião, que está localizado no primeiro nível, especificamente na base da Esfera; bem como a exposição localizada no segundo nível, dedicada à energia hidráulica. O primeiro nível está diretamente ligado à área pública da Expo e é dividido em duas grandes áreas. Uma delas abriga o Pavilhão Nacional e a outra está relacionada aos projetos inovadores de energia que estão sendo implementados no país.

A área para descobrir o Cazaquistão, que destaca a beleza de sua natureza, cultura e tradições, sediará um show de videomapeamento de grande formato, projetado dentro de uma cúpula de 45x14x7,5 metros, para o qual mais de cinquenta projetores laser. O principal audiovisual do show será sincronizado com um evento interativo em que os visitantes podem aprender mais sobre o famoso mito cazaque de Bayterek.

Também responsável pela implementação da zona de exposição do segundo nível da 'Esfera', que ocupa uma área total de 800 m2 dedicada a la energía hidráulica, APD ofrece en esta área diferentes formas de aprovechamiento del agua, de manera que el visitante encontrará desde una réplica del antiguo molino de Hama y talleres lúdicos para los más pequeños, a las más innovadores tecnologías sobre el aprovechamiento de la energía de olas y mareas, destacando el potencial del agua como fuente de energía en el futuro.

APD también está realizando el diseño y la ejecución expositiva del Pabellón de España en la Exposición Internacional de Astaná 2017, con una superficie de 868 m2 en los que se mostrará el presente y futuro de la explotación de los recursos renovables en nuestro país.


Você gostou deste artigo?

Assine a nossa feed RSS e você não vai perder nada.

outros artigos , , ,
por • 18 Apr, 2017
• Seção: Os estudos de caso, Eventos, negócio, projeção